domingo, 15 de setembro de 2013

Notícia - "Meu pai tinha medo", diz @MarcoLuque sobre Futebol


Muitos não sabem, mas o pai de Marco Luque, que às vezes é zoado na bancada do CQC, já foi árbitro de futebol. Justamente por isso, o homem de preto não tem um time do coração já que foi criado por quem sabe até que ponto os torcedores chegam na fúria de um jogo.

Sobre os xingamentos que o pai já recebeu na carreira, Luque diz que não se lembra muito. "Eu era muito pequeno, não sabia, mas não durou muito a profissão", explica.


Enquanto o pai trabalho nessa área, o humorista não acompanhou muito de perto o esporte. "Não, meu pai tinha medo. Ele nunca deixou a gente torcer pra nenhum time, para a gente não se empolgar e querer ir em estádio", relembra.

"Acho que para um árbitro o estádio é um lugar muito hostil, então ele não queria ver os filhos lá. Quase sempre ele saia do estádio dentro do camburão ", conta, sobre o pai precisar de proteção depois dos jogos.

Nenhum comentário: