segunda-feira, 28 de abril de 2014

Roteiro do @CQC - #CQC261

Se não cair no Top Five, pelo menos caiu aqui. (Ilustra by: Lina Silva)

Estão prontos pra saberem do roteiro do CQC, que o Marcelo Tas postou no seu blog?
Mas antes de saberem, sabem muito bem que, como o Tas não cansa de dizer, mas diremos pra vocês: Esse roteiro é apenas guia. algumas alterações poderão acontecer durante o programa ao vivo, como imprevistos, não passarem na ordem correta ou então deixarem para o último bloco (o que acho impossível acontecer). mas... relaxem e divirtam-se. vejam aí o roteiro abaixo:

CQC 261 na Band, às 22:30 ou Após "Como eu conheci sua mãe" ou "Os Simpsons"
Para ir ao estúdio, cliquem aqui

CORINTHIANS x FLAMENGO
A TRETA DA PETROBRÁS
50 x 50: VIVI FERNANDEZ
PROTESTE JÁ: CRIANÇAS SEM ESCOLA EM UBERLÂNDIA
CQSABE: RELIGIÕES AFRO-BRASILEIRAS
DEMI LOVATO
TWITTER DELIVERY
LULA EM SALAMANCA
FESTA PARA ARRECADAR GRANA PARA O OLIVER
CAMERON DIAZ EM LOS ANGELES
CRAQUES DA COPA EM MADRI
DOC CQC: MACONHA
TOP 5

FINAL DA WEBCOMIC #3 "UM HERÓI EXPLOSIVO - PÁGINAS 19 E 20


E aí, gostaram? :)
Sim, eu sei q agora falta a Naty Graciano. O banner deste blog (e da página do facebook) não foi trocado ainda justamente porquê a Naty Graciano ainda não apareceu na Megaliga CQC. Mas logo aparecerá.
A paciência de todos é mui apreciada!! ;)

quinta-feira, 24 de abril de 2014

Vídeo - Equipe do @CQC discute após gravar o "Olho por olho"


Quem conferiu o CQC dessa segunda-feira, dia 21, deve ter se impressionado com a tentativa de um "Olho por Olho sobre os justiceiros". 

Foram tantas reações intensas que era quase impossível ficar indiferente com uma matéria tão agitada.

Não foi só o telespectador que se abalou com o quadro, a equipe de produção do programa também ficou bem agitada após a gravação e rolou até um debate na produtora para saber o que vai ao ar.


Em um vídeo exclusivo de bastidores, Mau Meirelles, usando ainda sua camisa de repórter, e o produtor Felipe Atra contam os detalhes do que viveram na rua para o coordenador de conteúdo, Marcelo Salinas.

Assista aqui a discussão que rolou antes da matéria ir ao ar no CQC: 


segunda-feira, 21 de abril de 2014

Roteiro do @CQC - #CQC260

"Mulherada pós- páscoa" (Ilustra by: Lina Silva)

Estão prontos pra saberem do roteiro do CQC, que o Marcelo Tas postou no seu blog?
Mas antes de saberem, sabem muito bem que, como o Tas não cansa de dizer, mas diremos pra vocês: Esse roteiro é apenas guia. algumas alterações poderão acontecer durante o programa ao vivo, como imprevistos, não passarem na ordem correta ou então deixarem para o último bloco (o que acho impossível acontecer). mas... relaxem e divirtam-se. vejam aí o roteiro abaixo:

CQC 260 na Band, às 22:30 ou Após "Como eu conheci sua mãe"
Para ir ao estúdio, cliquem aqui

MELHORES DO FUTEBOL
CPI DA PETROBRÁS
SEM FILTRO: ADULTOS BÊBADOS
PROTESTE JÁ: VILA FANTASMA
CQSABE: GÍRIA DE MACONHEIRO
SEM SAIDA: É O TCHAN
OLHO x OLHO: JUSTIÇA COM AS PROPRIAS MÃOS
TWITTER DELIVERY
DOC CQC: BOXE
FESTA DA MUSICA BRASILEIRA
TOP 5
Continuem acompanhando as emoções finais da mais nova webcomic, "O Herói Explosivo"

WEBCOMIC #3 "O HERÓI EXPLOSIVO" - PÁGINAS 17 E 18



Felipe Andreoli presta homenagem à Luciano do Valle

O corpo do locutor esportivo Luciano do Valle, 66 anos, que morreu neste sábado vítima de um infarto, será velado neste domingo na Câmara Municipal de Campinas, interior de São Paulo. O enterro sera às 16h no cemitério Parque Flamboyant.

Luciano passou mal durante uma viagem de avião para Uberlândia, onde narraria Atlético-MG e Corinthians pela primeira rodada do Brasileirão. Ele viajava de São Paulo e foi socorrido no aeroporto da cidade mineira pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado para o Hospital Santa Genoveva, onde às 16h15 teve a morte confirmada.

O médico cardiologista Roberto Botelho estava no voo e prestou os primeiros socorros ao locutor. " O Luciano não sofreu. O que ele apresentou é chamada de morte súbita, ela acontece menos de uma hora quando começam os sintomas", inform ou em entrevista à Band. 

Luciano se preparava para narrar sua nona Copa do Mundo. Na lista das modalidades que devem muito a ele estão o basquete feminino, o vôlei, o futebol feminino e o boxe. Foi ele também o responsável por abrir as portas do Brasil à NBA, ao futebol americano e à Fórmula Indy, por exemplo.


Vários artistas se manifestaram pelas redes sociais. Um deles foi o jornalista Felipe Andreoli, repórter do "CQC", a publicar uma mensagem sobre o colega de emissora. 
"Muito triste com a notícia da morte do nosso querido Luciano do Valle. Um dos grandes nomes do jornalismo esportivo e da narração no Brasil. Obrigado, Luciano. As Copas do Mundo sentirão muita falta do seu grito de gol. Descanse em paz.
Mais tarde, Felipe contou outras lembranças com Luciano. "Tive a honra de ver Luciano narrar de dentro da cabine quando era repórter. A Band é e sempre será o canal do esporte por causa dele."

Fonte: Yahoo

"É estranho impedir que alguém fale algo sobre você", diz Oscar Filho sobre biografias

Não levar a vida a sério. Com essa filosofia, o ator e comediante Oscar Filho tem facilidade em brincar com situações cotidianas da vida. Formado em teatro e integrante inaugural do Clube da Comédia Stand-up, o repórter do “CQC”, da Band, lançou “Autobiografia Não Autorizada”, livro no qual escreve com humor episódios reais de sua trajetória. À IMPRENSA, ele ressalta: “Tudo que eu escrevi ali é a mais pura verdade”.
A ideia de fazer uma autobiografia engraçada surgiu a partir das histórias que ele conta em seu site oficial, após um comentário de uma fã. “Um dia, uma garota na internet perguntou: ‘Que história é essa de ter sido atropelado por uma carroça. Quero detalhes’. Aí me pareceu uma boa ideia escrever um livro contando tudo que tava no meu site, só que em detalhes. Nada ficcional. Tudo que eu escrevi ali é a mais pura verdade”.

No entanto, Oscar Filho segue uma via diferente de artistas brasileiros, que discutem a respeito da necessidade de autorização de biografias para a publicação, em que alegam o direito a privacidade prevista no Código Civil. Polêmica esta que inspirou o título do livro do ator, que dá o tratamento dessa questão como algo absurdo.

“A partir do momento em que você faz parte da cultura do seu país, parte da sua intimidade muda. Todo artista usa de si para fazer a sua arte. Portanto, sua vida está intrinsecamente ligada ao que você faz na sua arte. Logo, as pessoas vão querer saber parte da sua vida privada até para saber como foi o caminho, a empreitada, até a obra acabada”. Para exemplificar, o humorista cita o teste de Marlon Brando para fazer o papel de Dom Corleone em “Poderoso Chefão”, filme premiado no Oscar com dez estatuetas e que teve duas sequências.

“Quando ele leu o roteiro e pensou: ‘Esse personagem tem muito poder. Tem tanto poder que ele sequer precisa provar isso, já passou dessa fase. Como eu poderia imprimir isso?’”. O longa-metragem retrata a história da família mafiosa italiana Corleone, baseada no livro do escritor norte-americano Mario Puzo, que também aborda o crescimento deste tipo de organização criminosa nos Estados Unidos. “Numa visita ao zoológico, percebeu que os gorilas são assim, poderosos. Eles são fortes por natureza, não precisam provar isso pra ninguém. Foi aí que, através dessa observação, ele teve a ideia de colocar algodões nas bochechas e ficou, então, aparecido com um gorila”, complementa.

Admirador da história, o ator esclarece: “ela me diz respeito porque tem a ver com a composição do personagem. É maravilhoso o que ele conseguiu fazer com esse personagem e é muito curioso saber como ele fez pra conseguir isso. Aqui no Brasil, temos uma mania de grandeza muito esquisita. Artistas que outrora lutaram contra censura, agora estão lutando por ela. É estranho impedir que alguém fale algo sobre você, mesmo que você sequer saiba o que ela vai dizer”, analisa Oscar Filho.

O humorista que experimentou por dois anos a experiência de apresentar o programa que o lançou para a TV nega que há relação entre sua saída da bancada e o foco mais voltado ao quadro “Proteste Já”. “Eles queriam uma mulher na bancada e fui eu o escolhido para sair. Mudou que não posso mais me divertir fazendo o programa ao vivo. Apenas isso. O ‘Proteste Já’ é um quadro que eu gosto de fazer, mas é muito pesado emocionalmente. A bancada me dava o contrabalanço, entende?”.

Um dos remanescentes da equipe inicial do programa, ele analisa os obstáculos para produzir matérias investigativas que denunciam descasos do poder público no país. “A dificuldade é que, como ser humano, eu vou percebendo que existem pessoas capazes de fazer coisas que, pra mim, um ser humano não faria. Ele me ajuda a ser menos inocente com a vida”.

Com a cobrança constante a políticos para solucionar os problemas encontrados pela reportagem, ele revela que já sofreu ameaças, “mas nada sério. Uma vez uma pessoa me ligou de um número privado me ameaçando. Mas acho que foi trote porque nunca mais voltou a acontecer”. 

Para o futuro, o repórter pretende apresentar um programa de entrevistas, com base em algumas referências da área. “Talvez. Admiro o que a Marília Gabriela faz. Antônio Abujamra também. Gostaria de saber entrevistar como eles. Mas não é uma coisa pra agora. Tenho muito que aprender ainda”, conclui.

Fonte: Portal Imprensa

Marcelo TAS fará reality show com desenhos animados


Além de liderar o CQC na Band, Marcelo Tas logo poderá ser visto também em outro canal. Ele vai fazer um talk-show no Cartoon Network em que entrevistará desenhos animados. Papo Animado com Marcelo Tas será gravado nos Estados Unidos mês que vem e deve estrear no começo do segundo semestre. Com a atração, o apresentador dará continuidade ao trabalho que sempre desenvolveu junto ao público infantil. 

“A gente fez três temporadas do Plantão do Tas no Cartoon e essa é uma experiência nova, pois vou contracenar com desenhos animados. É genial e vamos para os Estados Unidos gravar lá porque tem uma produtora específica para fazer os efeitos especiais do projeto”, adianta Tas, que não deixará de apresentar nenhuma edição do CQC para fazer esse programa do Cartoon.

Para quem não se lembra, Tas tentou emplacar um formato com crianças na Band, o Conversa de Gente Grande (2012), mas o programa teve somente uma temporada. Tas afirma que, como âncora do CQC, é muito difícil conciliar outras atrações que exijam muito dele. “O projeto do Cartoon vai dar para fazer porque eu vou para lá e gravo tudo em uma semana. Projetos autorais exigem dedicação e eu não consigo me dividir”, comenta o apresentador.

Fonte: Paraná online

quarta-feira, 16 de abril de 2014

Naty Graciano sobre "CQC": "a maior realização profissional da minha vida"

Loira, bonita e inteligente, Naty Graciano entrou para o "CQC" nesta temporada e já chama a atenção do público, não só pela sua beleza, mas também por sua "cara de pau" quando faz entrevistas, principalmente com famosos.

Naty não esconde sua felicidade em ser uma das repórteres da atração da Band. Vinda da TV TEM, afiliada da Globo no interior de São Paulo, ela classifica o seu atual momento, em uma entrevista exclusiva para o NaTelinha: "É a maior realização profissional da minha vida".

Com a popularidade que o programa dá, Naty já sente o assédio do público: "Me param nos eventos para tirar elogiar, tirar foto".

Veja a conversa na íntegra:

NaTelinha - Qual é a sua emoção de fazer parte de um programa como o "CQC"?

Naty Graciano - 
É a maior realização profissional da minha vida. Lutei muito para chegar onde estou, me sinto completamente feliz.


NaTelinha - Como tem sido sua rotina desde que entrou na atração?

Naty Graciano  - 
Correria boa, sempre. Cada semana em um lugar, cada dia um horário.


NaTelinha - Sua relação com os apresentadores, os outros repórteres, a produção, como tem sido?

Naty Graciano - 
 A equipe do "CQC" é muito jovem e divertida. Então, o clima é muito bom. Me sinto em casa.


NaTelinha - Você tem acompanhado os elogios e críticas sobre a sua estreia? Como você as leva? Vai se aproveitar delas para mudar algo em sua abordagem nas reportagens?

Naty Graciano - 
Não tenho tempo de ler tudo mas, quando posso, claro que as vejo. Acho importante saber o que as pessoas pensam sobre o meu trabalho. Também já tenho o meu estilo de trabalhar, mas quero evoluir sempre.


NaTelinha - Qual é o seu maior anseio no "CQC"? Onde quer chegar?

Naty Graciano - 
Quero que as pessoas curtam o que estou fazendo. Estou me dedicando ao máximo. Espero que vejam, assistam, compartilhem... (risos).


NaTelinha - Você, agora, faz parte de um programa de cunho político. Como vê o atual cenário da política brasileira?

Naty Graciano -
 Acredito que precisamos de mudanças promissoras. Temos que saber escolher e cobrar nossos políticos.

NaTelinha - Você veio da TV TEM, afiliada da Globo no interior paulista. Como você começou sua carreira e como veio parar no "CQC"?

Naty Graciano - 
Comecei como repórter em uma web TV de viagens. Felizmente, em 2011, fiz um teste para repórter na TVTEM e rolou. Depois de 2 anos assumi a apresentação do programa. Depois, mandei meu material para a produção do CQC e participei da seleção. Foram várias etapas até a resposta final.... Eu consegui! (risos).


NaTelinha - Já tem sentido a abordagem do público nas ruas e nas redes sociais?

Naty Graciano -
 Sim... Me param nos eventos para elogiar, tirar foto... Nas redes sociais também recebo várias mensagens. Adoro ler e responder quando possível. É tão bacana saber que as pessoas estão curtindo meu trabalho.


NaTelinha - Como você se define como pessoa?

Naty Graciano -
 Sou uma mulher batalhadora, dedicada, que não desperdiça as chances que a vida dá!

Fonte: Na Telinha

segunda-feira, 14 de abril de 2014

WEBCOMIC #3 "UM HERÓI EXPLOSIVO" - PÁGINAS 15 E 16



Roteiro do @CQC - #CQC259

 (Ilustra by: Lina Silva)

Estão prontos pra saberem do roteiro do CQC, que o Marcelo Tas postou no seu blog?
Mas antes de saberem, sabem muito bem que, como o Tas não cansa de dizer, mas diremos pra vocês: Esse roteiro é apenas guia. algumas alterações poderão acontecer durante o programa ao vivo, como imprevistos, não passarem na ordem correta ou então deixarem para o último bloco (o que acho impossível acontecer). mas... relaxem e divirtam-se. vejam aí o roteiro abaixo:

CQC 259 na Band, às 22:30 ou Após "Como eu conheci sua mãe"
Para ir ao estúdio, cliquem aqui

50 x 50: FALCÃO
EM SINGAPURA COM O HOMEM ARANHA
CQSABE: LINGUAGEM DE MANO
TORCIDA VIP: PORCHAT, ANDERSON SILVA, RAFAEL CORTEZ
PROTESTE JÁ: FALTA D’ÁGUA E POLUIÇÃO
50 PERGUNTAS: PAULO COELHO
SEM FILTRO: POR QUE ADULTOS FICAM BÊBADOS?
ATRÁS DO ALCKMIN
TWITTER DELIVERY
OS PICARETAS: O DIAMANTE PERDIDO
CQC DOC: O TREM “A BESTA”
O SURGIMENTO DE UMA FAVELA NO RIO
OLHO x OLHO: BARULHO
TOP 5
SEM SAÍDA: É O TCHAN
Descrição da Montagem: CQC 2014 em 3D Gif animado sem óculos (Montagem by: Kildare Sena)

Continuem acompanhando a mais nova webcomic, "O Herói Explosivo"

sábado, 12 de abril de 2014

"EU ACHEI TÃO BIZARRO", DIZ TAS SOBRE O IPEA


Um assunto que tem repercutido bastante na mídia é a cultura do estupro, principalmente depois de uma pesquisa feita pelo IPEA disse que muitas pessoas acreditam que que as mulheres provocam a agressão.

Claro que o que é notícia faz parte do CQC e Marcelo Tas comenta a matéria. "Eu achei tão bizarro e nós fizemos uma reportagem ironizando isso e uma pesquisa do CQC".

O "Olho Por Olho" levou meninas com roupas consideradas "provocantes" para uma balada e simulou uma situação onde elas estavam vulneráveis.
"Infelizmente a gente acabou confirmando uma realidade que é muito triste, que os meninos são muito desajeitados, né?", diz.

"A maioria deles se acha e partem pra cima de um jeito muito desastrado", complementa. Alguns homens resolvem se aproximar das mulheres impondo suas vontades e não conseguem conquistá-as.

"É uma coisa triste, porque os meninos precisam aprender que se eles forem mais gentis e nem diria educados, mas diria mais inteligentes mesmo. Eles poderiam conquistar as meninas de uma forma muito mais gostosa inclusive", comenta.

Além disso, Tas não entende como alguém se diverte forçando qualquer situação, como acontece no estupro. "Eu nunca entendo como que alguém consegue ter prazer com uma pessoa que ele está forçando a ter prazer. Não consigo entender", confessa.

Reveja aqui as duas matérias que falaram sobre o assunto do desrespeito com as mulheres:



Fonte: Site Oficial CQC

Repórter do CQC mostra viagem em trem da morte até os Estados Unidos

No CQC da próxima segunda-feira, dia 14, o quadro “Documento da Semana” viaja até o México para mostrar a odisseia de milhares de imigrantes latinos que colocam a própria vida e as de seus familiares em risco em busca do sonho de viver nos Estados Unidos.
 O repórter Ronald Rios esteve na cidade mexicana de Arriaga, localizada a cerca de 100 km da fronteira com a Guatemala, de onde sai um trem de carga conhecido como “A Besta” lotado de homens, mulheres e crianças rumo à terra do Tio Sam. “Homens abandonam mulheres e filhos para subir em um trem que pode encurtar suas vidas. Há mulheres grávidas correndo ao lado dele. É tudo muito surreal”, revela Ronald Rios, impressionado.
A viagem é feita no teto do trem e o percurso até os EUA pode durar um mês. Sete entre dez mulheres são estupradas nos vagões e muitos imigrantes perdem pernas, são capturados por carteis de droga ou deportados no destino final. “Idosos ficam com as pernas balançando rente às rodas de metal bem afiadas e rápidas. Eles estão acostumados e já fizeram várias vezes este caminho. Nunca completaram: todas as vezes foram deportados”, conta o repórter.

Ronald Rios, o produtor Gastón Turiel e o cinegrafista Fabrício Brito passaram dez dias em terras mexicanas especialmente para gravar a reportagem. Foram cerca de nove horas esperando o “trem da morte” partir e uma das máquinas chegou a descarrilar durante a gravação. Ronald Rios subiu em um dos vagões em movimento para viver a realidade dessas pessoas de perto por mais de 8 horas. “Tudo é tão triste e bizarro que parece o roteiro de um filme sobre piratas violentos e psicopatas. Mas piratas de verdade, não como os dos filmes. Bandidos impiedosos que extorquem, violentam e dominam cidades latinas. Um horror”, completa Ronald. 

Fonte: Portal da Ilha

quinta-feira, 10 de abril de 2014

Instagram - @MauMeirelles inova em sua 'selfie'

Foto: divulgação/Instagram

Mau Meirelles quase sempre usa suas redes sociais para fazer alguma piada, mas nessa terça-feira, dia 8, o humorista resolveu mostrar seu lado criativo.

O homem de preto aproveitou a brecha que teve um uma gravação para inovar na moda de tirar fotos de si mesmo, as "selfies".

Em sua versão, ele apontou a câmera do celular para a câmera do estúdio e usou a televisão para ver o resultado.

Deu tão certo que Mau Meirelles publicou a foto em seu Instagram, divertindo seus seguidores. "Selfie moderna", disse na legenda. Eai, curtiu a inovação?

segunda-feira, 7 de abril de 2014

Roteiro do @CQC - #CQC258

"Por que será?" (Ilustra by: Lina Silva)

Estão prontos pra saberem do roteiro do CQC, que o Marcelo Tas postou no seu blog?
Mas antes de saberem, sabem muito bem que, como o Tas não cansa de dizer, mas diremos pra vocês: Esse roteiro é apenas guia. algumas alterações poderão acontecer durante o programa ao vivo, como imprevistos, não passarem na ordem correta ou então deixarem para o último bloco (o que acho impossível acontecer). mas... relaxem e divirtam-se. vejam aí o roteiro abaixo:

CQC 258 na Band, às 22:30 ou Após "Como eu conheci sua mãe"
Para ir ao estúdio, cliquem aqui

TORCIDA VIP
PROTESTE JÁ: OBESIDADE
50 x 50: DR. REY
MARCO CIVÍL
DOCUMENTO DA SEMANA: BOXE
TWITTER DELIVERY: IVETE SANGALO, CHITÃOZINHO E XORORÓ, LUAN SANTANA
FESTA DE BACANA: AMFAR 2014
OLHO x OLHO: ASSEDIO SEXUAL NA BALADA
OS PICARETAS: VIDENTE
SEM SAÍDA - YUDI
TOP 5

Descrição da Montagem: CQC 2014 em 3D com divisão de espelho (Montagem by: Kildare Sena)
Como Funciona: pegue um espelho portátil, clique na imagem pra aumentar e põe o espelho entre o seu nariz e o meio das 2 imagens. o seu olho direito olhará a imagem da direita, enquanto o seu olho esquerdo olhará a imagem refletida no espelho

Continuem acompanhando a mais nova webcomic, "O Herói Explosivo"

sábado, 5 de abril de 2014

Maurício Meirelles afirma que decisões do "CQC" não chegam aos repórteres

No ar desde 17 de março na Band, o “CQC” apresentou uma grande novidade: Dani Calabresa que substitui Oscar Filho no lado esquerdo da bancada. Em conversa com o UOL, Maurício Meirelles, um dos repórteres da atração, afirma que não sabia que haveria uma troca, mas declara que não se surpreendeu com a mudança.
“Fiquei sabendo da minha contratação através da imprensa e as coisas são escondidas a sete chaves. A nova repórter [Naty Graciano] fiquei sabendo um dia antes de entrar. Eles guardam essa informação a todo tempo. Não é uma grande surpresa a Calabresa entrar na bancada porque ela é muito boa neste tipo de humor e acho que ela funciona melhor do que na rua.”
Ele conta que também fez teste para integrar a bancada, foi bem elogiado pelos colegas e isso lhe trouxe novas ideias de ter seu próprio programa.
“Eles gostaram muito e isso me deu um gás. Quem sabe eu não possa ter um à parte? Isso mostrou que tem gente que acredita em mim. Eu talvez faria um programa sobre música. Toco guitarra, baixo e desde que a primeira fase da MTV acabou, acabaram os programas musicais”, sugere.
Fora da televisão, o humorista faz shows de stand-up comedy pelo país e revela que tem uma “campanha” em sua apresentação.
“Eu faço o facebullying em que eu abro o Facebook de uma pessoa da plateia durante o show, brinco sobre o que vejo e até converso com pessoas por ali.”
Fonte: Boa informação

sexta-feira, 4 de abril de 2014

Vídeo - Live da noite de autógrafos do lançamento da "Autobiografia não autorizada" do @OscarFilho

Pra quem não viu ontem, o Oscar Filho lançou o seu livro, a "Autobiografia Não Autorizada", com direito a noite de autógrafos e uma live que foi feita no canal dele no YouTube

Claro que postaremos o que aconteceu na live, pra quem perdeu



quinta-feira, 3 de abril de 2014

Bancada do "CQC" terá @OscarFilho de volta

Segunda-feira que vem, Oscar Filho vai aparecer novamente na bancada do "CQC", na Band, com Marcelo Tas e Marco Luque.Na verdade, essa situação já está gravada e irá "explicar" por que ele foi trocado por Dani Calabresa.
Apesar do tom de brincadeira, também existe um assunto bem sério por trás, que será tratado no quadro "Proteste Já".
Fonte: UOL - Coluna de Flávio Ricco

quarta-feira, 2 de abril de 2014

WEBCOMIC #3 "UM HERÓI EXPLOSIVO" - PÁGINAS 13 E 14



Vídeo - Filhos do @CQC: @MarceloTas analisa ex-integrantes

No comando da sétima temporada do CQC na BAND, Marcelo Tas fez uma análise dos ex CQCs Monica Iozzi, Danilo Gentili, Rafael Cortez e Rafinha Bastos que conquistaram seus espaços em outras emissoras. Confira


Fonte: Caras.com.br

Nova repórter do “CQC” Naty Graciano, estaria “fora de controle” no programa

Segundo o colunista Flávio Ricco, a nova repórter do “CQC” Naty Graciano, estaria “fora de controle” no programa. Segundo ele, algumas pessoas na emissora acreditam que Naty ainda não encontrou o “ponto certo” para o que jornalístico precisa.
Todos na produção percebem o seu esforço para querer mostrar serviço, e impressionar, mas talvez ainda não é o que desejam. A nova repórter estaria exagerando um pouco nas suas interpretações durante as gravações.
Lembrando que Naty foi a repórter contratada do programa para a nova temporada. A bela substitui Mônica Iozzi que foi para a Globo.
A nova repórter precisaria encontrar um “ponto de equilíbrio” para não colocar a perder o seu bom início no programa.
Fonte: Boa Informação

Dani Calabresa é sucesso de crítica e público no CQC

No CQC, Dani Calabresa se diz à vontade para "contracenar" com Marcelo Tas e Marco Luque
A humorista Dani Calabresa agradou o público na bancada do CQC. Prova disso são os elogios ao seu desempenho nas redes sociais e até da crítica especializada. Após a estreia na nova função, ela se diz à vontade para "contracenar" com Marcelo Tas e Marco Luque. Dani afirma que não está fazendo um ensaio para depois comandar um programa solo, boato que corre desde que ela foi contratada pela Band no início de 2013.
"É lenda essa história que eu teria um programa só meu. Eu disse que tinha vontade de ter um programa quando entrei na emissora, como o Furo MTV que eu fazia com o Bento Ribeiro. Mas ele não veio para a Band e eu nunca corri atrás de um programa. Eu gosto de contracenar com uma trupe de comediantes, como estou fazendo agora", revela a apresentadora.

A chegada
A loira ficou com a vaga que era de Oscar Filho na bancada do CQC, após ser a melhor nos testes feitos com Mauricio Meirelles, André Vasco, Felipe Andreoli e Márcio Ballas.

"Iam substituir o Oscar Filho de qualquer maneira. Eu não queria ir para o lugar de ninguém, mas alguém iria substituí-lo. Isso era fato. Uma galera fez testes e a direção optou por mim porque quer mais um pouco de comédia no ao vivo. Eu não sou jornalista, sou atriz comediante", explica Dani, que já tinha a proposta de ir para a bancada desde que foi contratada pela emissora, mas teve primeiro de passar pela reportagem do programa. "O público tinha de me conhecer como uma integrante da atração", comenta.
Sua chegada na bancada deu um toque feminino ao programa, que sempre teve uma "pegada" mais masculina desde que estreou em 2008 só com homens no elenco.
Mesmo depois da contratação de Monica Iozzi e Dani Calabresa, o perfil do telespectador do CQC é do sexo masculino. "Mas eu quero que as bichas, as travas, as velhas e a mulherada assistam essa birosca agora", brinca Dani.
Mesmo sendo promovida à apresentadora, ela não ganhou aumento salarial. Como a humorista assinou contrato de dois anos com a emissora, continuará ganhando o mesmo valor que recebia no ano passado. "De repente, quando eu for renovar na virada do ano, meu salário aumente (risos)".
Fonte: UOL

terça-feira, 1 de abril de 2014