quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Ex-repórter do CQC está bravo e acusa Band por censura

Por outro lado, quem não está nada feliz com a demissão da band é Ronald Rios. Em Janeiro, ele postou um vídeo no Youtube reclamando que a Band não exibiu uma reportagem especial de final de ano que ele fez no Oriente Médio.

Agora, o repórter está ainda mais bravo porquê recebeu uma notificação da emissora, pedindo que ele tire o vídeo do ar.

Procurado pelo colunista Maurício Stycer, Ronald acusou a Band de censura disse que não vai atender a solicitação porque está usando o seu direito de liberdade de expressão. 

*************
Quem não assistiu o vídeo ainda, assista agora:

Dan Stulbach fala sobre ida para o CQC: "Teria sido mais fácil se eu saísse da Globo brigado"

Dan Stulbach encara um novo desafio em sua carreira: assumir o papel de apresentador de um programa por tempo integral.
O galã já ficou no lugar da apresentadora Fátima Bernardes quando ela saiu de férias, mas esta será sua primeira vez comandando um programa.
— Eu gosto muito de ser ator, eu não estou aqui porque me deu um bode de ser ator. Eu estou aqui porque é muito legal. Eu nunca disse que queria ser o Silvio Santos, eu queria ser o Paulo Autran. É meio frase feita, mas eu acho que eu me motivo com o desafio.
E ele fala sobre a experiência que ganhou no lugar de Fátima Bernardes e também no programa Saia Justa, em que fazia um bate-papo com outras personalidades, sem desempenhar função de apresentador.
— Talvez como eu nunca tivesse me visto como apresentador, eu fui mais tranquilo, sem nada a perder. A gente sempre fi nervoso, porque a gente quer fazer bem. Então essas coisas me deram mais confiança [para aceitar o convite do CQC].
Depois de 12 anos na Globo, Dan diz que tinha uma ótima relação com a equipe da emissora e que isso dificultou sua decisão sobre ir para a Band.
— Eu nunca tinha pisado em outra emissora. Talvez teria sido mais fácil se eu saísse da Globo brigado, se eu tivesse algum problema pessoal com alguém.

Elenco masculino: 'CQC' estreia temporada com integrantes escolhidos pela inteligência, afirma diretor

O 'CQC' estreia sua 8ª temporada na segunda-feira, 9, e volta com elenco totalmente masculino, como era a formação original do programa no Brasil. Questionado sobre o formato, o diretor-geral de conteúdo da Band, Diego Guebel, explicou à reportagem do Portal Comunique-se que a escolha foi baseada em dois fatores: inteligência e humor. "Não temos que cobrir cotas. Não há necessidade de ter uma mulher. O que precisamos é de pessoas inteligentes e engraçadas".
Desde quando chegou ao país, o 'Custe o que Custar' teve Monica Iozzi e Naty Graciano na reportagem, além de Dani Calabresa, que comandou alguns quadros e fez parte da bancada no último ano. Nesta temporada, além de o programa não ter a presença feminina, o elenco volta a ter sete integrantes, um a menos se comparado com a última edição. "Este programa precisa de talentos. Isso não impede que amanhã não podemos ter novos integrantes. O que queremos é o melhor talento possível para compor o quadro. Novas caras chegam e outras antigas retornam para resgatar o espírito crítico do 'CQC'", reforçou o diretor.
Com Dan Stulbach, Rafael Cortez e Marco Luque na apresentação, a atração terá na reportagem Erick Krominski e Juliano Dip, que se juntam aos veteranos Maurício Meirelles e Lucas Salles. O telespectador pode esperar a apresentação de quadros conhecidos, como o 'Proteste Já' e 'CQTeste', e os novatos 'SAC - Serviço ao Consumidor', 'Choque de Realidade', 'Simuladores' e 'Desafio dos Novos Repórteres'. Para conhecer os detalhes dos quadros, basta acessar esta reportagem.
O 'CQC' vai ao ar todas as segundas-feiras, às 22h45, na Band, e pode ser acompanhado, também, pelo aplicativo da emissora para smartphones.



O novo CQC: veja as 3 coisas que podem salvar a 8ª temporada

Em 2015, programa segue mesmo formato, recebe Dan Stulbach na bancada e volta com elenco todo masculino.


Pela primeira vez sem Marcelo Tas, o CQC estreia no dia 9 de março na Band. E nesta terça-feira (24), o substituto do ex-membro mais célebre da bancada foi apresentado à imprensa. Dan Stulbach, conhecido por suas novelas na Globo, peças de teatro e apresentador temporário do Saia Justa e Encontro com Fátima Bernardes, ganhou o status de estrela da coletiva de imprensa da emissora em São Paulo.
Mas pode-se dizer que quem brilhou mesmo foi Rafael Cortez. De volta ao programa depois de dois anos de ausência, o "xavequeiro" do grupo de homens de preto falou em tom de veterano e deu as boas-vindas a Dan e Erick Krominski, outro novato da atração em 2015.
Assim como em seus primórdios, o CQC deixa de ter mulheres em seu elenco. Enquanto Dani Calabresa (escalada para renovar o Zorra Total) e Monica Iozzi (que decidiu seguir a carreira de atriz) partiram para a Globo, Naty Graciano, que também participava da última temporada, parece não ter caído nas graças do público e foi uma das baixas neste ano.
Além do elenco, alguns quadros saem e outros entram na grade. No Serviço de Atendimento para Famosos Solteiros, por exemplo, celebridades poderão procurar seus "pares românticos" com a  ajuda de aplicativos no celular, enquanto o Desafio de Novos Repórteres vai testar os limites dos mais novos do time com o objetivo de entrar para o Livro dos Recordes.

Veja o que muda na nova fase do programa e o que pode salvar a oitava temporada da mesmice:

Rafael Cortez na bancada
Na coletiva, a Band deixou claro que o CQC irá "voltar às suas origens" em sua oitava temporada, para resgatar o espírito crítico do programa. Rafael Cortez, pelo que parece, parece ser peça fundamental para que isso vire realidade. Experiente como repórter e produtor - seu primeiro contato como o programa foi na produção -, ele se mostrou empolgado e pronto para assumir a dianteira caso Dan Stulbach se perca em seu papel de "âncora".
Ao lado de Dan e Marco Luque, Rafael promete ser um alívio para quem teme perder a familiaridade junto com a baixas no elenco. Aliás, um "plus": o CQTeste volta sob seu comando.
Dan Stulbach, se abandonar o padrão Globo de carisma
"Não tenho preocupação com audiência, mas com qualidade", o novo líder de bancada disse durante a coletiva. Difícil de acreditar, mas o novo apresentador pareceu empolgado por ter recebido a oportunidade de arriscar um formato menos careta de atração. Em 12 anos de Rede Globo, ele admitiu ter ficado inseguro com a troca de emissora e revelou que dizer adeus à antiga casa não fácil. "Nunca tinha nem pisado em outra emissora", riu.
Apesar da nova empreitada, Dan garantiu que não vai deixar seus projetos de teatro de lado, e pode até voltar para a programação da GNT, onde apresentou o Saia Justa, em breve. Ainda surpreso por ter sido convocado para substituir Marcelo Tas na bancada do CQC, ele disse que abraçou a convite como se não tivesse escolha. "Quando alguém diz que você pode fazer, você tem que pensar. Se esses caras estão dizendo, deve ser porque consigo", concluiu. No entanto, ele pede que a audiência seja "bondosa e paciente" no incío. "Eu não sei aonde vai dar", reconhece.
Sobre as comparações com Marcelo Tas, Dan diz que não chega a perder o sono, mas que vai tentar encontrar a sua própria forma de conduzir o programa para que não pareça uma imitação barata.
Os caçulas do elenco
A partir do dia 9, um novo rosto chega ao CQC. Erick Krominski, conhecido por campanhas publicitárias e pelo seu canal de vídeos no Youtube, é a nova aposta dos diretores do programa. Assim como Lucas Salles, que se mostrou competente no papel de repórter, a origem de Erick é a atuação, mas o ruivinho com cara de menino - mas que completa 30 anos em breve - tem experiência na internet e pode trazer um frescor ao programa. Isso, é claro, se ele revelar um humor irônico afiado. 

Dan Stulbach sobre o "CQC": "Eu vou cutucar, divertir e acrescentar muito"

Band realizou coletiva de imprensa para apresentar as novidades da nova temporada


Na tarde desta terça-feira (24), a Band promoveu uma coletiva de imprensa para apresentar as várias novidades da temporada 2015 do "CQC". 

O novo apresentador Dan Stulbach logo avisou que o programa está prestes a começar sua fase mais descontraída, sem perder o tom de provocação. "Nem tentem me comparar a ninguém. Um novo estilo está por surgir", disse.
“Eu vou cutucar, divertir e acrescentar muito. O mais importante agora é a qualidade. Não estou substituindo ninguém. Estamos entrando numa nova temporada, com novos integrantes, novos quadros, novas expectativas. E eu tenho certeza que aos poucos o público entenderá isso”, declarou Dan, de 45 anos, que já se defende de possíveis comparações ao ex-líder da trupe, Marcelo Tas.
Ao lado de Dan, estarão na bancada o veterano Marco Luque e Rafael Cortez, que volta à Band após breve passagem pela Record.

Nas reportagens, Maurício Meirelles e Lucas Salles ganham dois novos parceiros, o jornalista Juliano Dip e o criador de conteúdo digital Erick Krominski.

Dan Stulbach
Segundo o diretor-geral da emissora, Diego Guebel, essa mescla entre veteranos e novatos só tende a valorizar a atração.
“É muito interessante o que está acontecendo, novas caras chegam e outras antigas retornam para resgatar o espírito crítico do 'CQC'. Nosso objetivo continua sendo mostrar a realidade do país usando o humor inteligente”, disse ele.

Além do cenário, a abertura e as vinhetas do programa serão totalmente modernizadas.

De acordo com a produção, a principal aposta é o quadro "Choque de Realidade", que pretende tirar os políticos de seus gabinetes e levá-los para as ruas. Já os consagrados  "Proteste Já" e "CQTeste" permanecem na grade.

Vale lembrar, Marco Luque é o único integrante do elenco original que continua na atração. As novas mudanças fazem parte de uma tentativa para recuperar os índices de audiência, que no ano passado chegaram a 3 pontos ou menos na Grande SP.

A oitava temporada do “Custe o que Custar” estreia no dia 9 de março.

Reformulado, CQC volta com novos integrantes e aprovação de Marcelo Tas


Na temporada de 2015, Dan Stulbach assume o posto de apresentador. Um novo elenco foi montado e recebeu a aprovação do jornalista Marcelo Tas.


Da esquerda: Lucas Salles, Erick Krominski, Cortez, Dan Stulbach, Marco Luque, Maurício Meirelles e Juliano Dip

A nova temporada do CQC está completamente reformulada. Nos últimos meses, o programa sofreu diversas perdas no elenco. Dani Calabresa, Ronald Rios, Oscar Filho, Felipe Andreoli, Guga Noblat, Naty Graciano e o próprio apresentador Marcelo Tas se desligaram da atração.
No atual elenco, Marco Luque e Rafael Cortez vão comandar a bancada da atração junto com Dan Stulbach, que assume o posto de apresentador. Os repórteres Lucas Salles e Maurício Meirelles permanecem no programa, que ganha o reforço de dois nomes: Erick Krominski, que fazia vídeos nas redes sociais, e o jornalista Juliano Dip.
O R7 esteve na coletiva de imprensa realizada em São Paulo para descobrir as novidades do programa. Uma das surpresas é a ausência de mulheres nesta edição. O diretor-geral de conteúdo da Band explicou a falta da presença feminina no elenco.
— O programa não tem que cumprir cotas. Não é tão importante isso de "tem que ter uma mulher" ou "não tem que ter uma mulher". Tem que ter uma pessoa que seja inteligente e engraçada, se é mulher ou se é homem não é relevante. Assim como não tem significado serem sete integrantes. O número sete não é cabalístico. O programa se alimenta de talentos com seis, sete, oito, nove e isso não significa que amanhã não possa ter mais um integrante.
Dan Stulbach falou sobre o desafio de assumir a apresentação, que era de Marcelo Tas desde 2008.
— Ninguém sacaneou ninguém. Ele tinha vontade de sair, me chamaram e eu tive vontade de vir. O que ele fazia era único, eu tenho que achar o meu jeito. Marcelo foi muito gentil comigo, a gente se "mensageou" [trocaram mensagens] carinhosamente, talvez a gente tenha um encontro pessoal. A gente tem carinho e respeito um pelo outro, mas não pedi dica, não pedi conselho.
E o mais novo apresentador  falou sobre as comparações entre ele e Tas.
— Se eu tenho medo das comparações? Não, porque eu não me preocupo. Não estou substituindo uma pessoa, estou substituindo uma função e acho que é natural que ele fizesse da maneira dele e eu faça da minha. Acho natural que ele seja uma referência, porque ele foi a única pessoa que ocupou esse lugar... e muito bem. Acho que as comparações serão inevitáveis, mas peço um pouco de paciência das pessoas para que a gente tenha tempo.
Sobre uma possível queda na audiência por conta das mudanças, Dan foi direto.
— Eu não tenho preocupação de audiência, eu tenho preocupação de qualidade. De dizer coisas, de provocar situações, que a gente seja um programa relevante e divertido.

Dan Stulbach divulga primeira foto da nova bancada do CQC

Nova temporada do programa começa dia 9 de março. Stulbach substitui Marcelo Tas no comando da atração

Dan Stulbach prova figurino para nova empreitada

O ator Dan Stulbach divulgou, em seu perfil no Facebook, as primeiras imagens da nova bancada do CQC em 2015. Stulbach, que assume a aga deixada por Marcelo Tas no final de 2014, afirmou estar pronto para o novo desafio. Da bancada original, só Marco Luque permanece, com a vaga de Dani Calabresa sendo ocupada por Rafael Cortez.

A nova bancada foi definida após rumores de que o humorista Rafinha Bastos poderia voltar ao programa, negociação que acabou sendo cancelada, com a Band preferindo não desgastar a imagem do apresentador, que já comanda o talk show Agora é tarde. Entre as outras mudanças, destacam-se a saída de repórteres como Felipe Andreoli, Oscar Filho e Ronald Rios.

"CQC" usa voz de William Bonner em chamada divertida

No vídeo, Marco Luque promove testes para encontrar o novo apresentador da atração. Um homem se senta numa cadeira e a voz de Bonner dando “Boa Noite”.
Mesmo sendo um programa irreverente, o "CQC" surpreendeu o público ao utilizar a voz do jornalista William Bonner em um de suas chamadas.
No vídeo, Marco Luque promove testes para encontrar o novo apresentador da atração. Um homem se senta numa cadeira e a voz de Bonner dando “Boa Noite” é ouvida. Luque, porém, rejeita o candidato, dizendo: “William, sua voz é muito batida!”. O mesmo processo se repete, desta vez com a voz do veterano Boris Casoy, da própria Band.
É nesse momento que Dan Stulbach, novo comandante do humorístico, aparece e ambos se abraçam no vídeo. O novo “CQC” estreia no próximo dia 09 de março.
Veja o vídeo:

Rafinha Bastos de volta ao CQC seria retrocesso, diz Marco Luque

Único integrante do CQC desde o início do programa, em 2008, Marco Luque acompanhou de perto a demissão dos colegas e a renovação do elenco para 2015. Cotado para a bancada, Rafinha Bastos, afastado do humorístico da Band em 2011, acabou ficando fora. Para Luque, a volta de Bastos ao humorístico seria um retrocesso na carreira dele, hoje apresentador do talk show Agora É Tarde. A oitava temporada do CQC estreia em 9 de março.

"A princípio eu me surpreendi, porque o cara, tendo o programa Agora É Tarde, para ele não seria tanta vantagem voltar para o CQC", diz o humorista. Seria um retrocesso? "Acho que sim. Talk show para um apresentador é o ápice, mas voltar a dividir uma bancada com mais dois...", afirmou Luque na apresentação da oitava temporada do CQC, na terça (24).

Rafinha Bastos e Marco Luque fizeram as pazes em abril de 2014, no Agora É Tarde. Eles se desentenderam após a piada com a cantora Wanessa Camargo que tirou Rafinha do CQC, em 2011. Amigo de Marcos Buaiz, marido dela, Luque publicou na época uma carta de repúdio à brincadeira. Três anos depois, se arrependeu e disse que deveria ter ficado quieto.

Apesar da briga, Marco Luque considera a época em que dividiu a apresentação do CQC com Rafinha Bastos e Marcelo Tas, entre 2008 e 2011, a melhor fase do programa. "Foi a bancada mais legal que a gente teve, eu Rafinha e Tas. Ele, por ser o oposto de mim, tinha um contraponto legal. Ele é talentosíssimo", elogiou.

Rafinha Bastos era nome praticamente certo no novo CQC, porém a Band voltou atrás e preferiu que ele se dedicasse apenas ao talk show Agora É Tarde, que retorna uma semana antes do humorístico, em 3 de março.

"[Rafinha Bastos de volta ao CQC] era a solução mais simples, mas depois falei com o Rafinha que estávamos entrando em algo complexo, acho que ele tem que fazer o segundo ano do Agora É Tarde. São quatro dias por semana, é muito trabalho", explicou Diego Guebel, diretor-geral de Conteúdo da Band e um dos criadores do CQC.

Além de Marco Luque, o CQC terá na bancada Dan Stulbach e Rafael Cortez (este de volta ao programa após três anos na Record). Juliano Dip e Erick Krominski completam o time de repórteres ao lado dos remanescentes Mauricio Meirelles e Lucas Salles.

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Confira como ficou o logo do novo “CQC”

A Band está trabalhando duro com os detalhes do novo “CQC”, que tem estreia prevista para o mês de março. Uma das partes mais importantes em um programa televisivo é o grafismo, ele funciona como uma espécie de identidade, que sempre estará visível ao telespectador.

Como você pode observar na foto acima, a emissora já fez alterações no grafismo da atração. O logo ganhou pequenas alterações. Sem muito exagero não foi perdido o formato nem a essência presente desde as primeiras temporadas.

O “CQC” passou por importantes mudanças já no fim de 2014. A maior parte da bancada de apresentadores será trocada. Dan Stulbach, Rafael Cortez e Marco Luque formarão o trio de apresentadores que comandarão a nova temporada da atração.

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Repórter do "CQC" Naty Graciano está fora da nova temporada do humorístico

A repórter tinha contrato até dezembro de 2015, mas a emissora optou pela rescisão, assim como aconteceu com outros repórteres, segundo informa Flávio Ricco

Naty Graciano também está fora da nova temporada do "CQC" após menos de um ano na atração
Naty Graciano está fora da nova temporada do “CQC”. O contrato da repórter com a Band foi rescindido na última quarta-feira (11). A informação foi confirmada pela emissora.
Segundo informa o colunista Flávio Ricco, os rumores de que ela estaria fora do programa aumentaram quando, ao contrário dos demais integrantes, Naty não foi chamada para fazer fotografias ou gravar chamadas.
Atriz, nascida em Jundiaí (SP), Naty estreou no "CQC" em março de 2014 para substituir Monica Iozzi e seu contrato ia até dezembro de 2015.
O novo "CQC" estreia dia 9 de março, com Dan Stulbach, Marco Luque e Rafael Cortez na bancada.
As informações são do colunista Flávio Ricco.

terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Ex-VJ da MTV, PC Siqueira deve integrar time de repórteres do novo “CQC”

A Band não mexeu apenas na bancada do humorístico. A reforma atingiu também a reportagem, que contará com poucos nomes que estavam no ar até o ano passado.

Aos poucos, novos detalhes da reformulação do “CQC” começam ser revelados. Na ocasião, o semanal estreia nova temporada e apresenta algumas novidades em sua equipe e formato.
E uma das novidades para esta temporadas é a contratação de PC Siqueira. Segundo o colunista José Armando Vannucci, a emissora deve anunciar nos próximos dias um acerto com o ex-VJ. PC deve assinar contrato com o canal até o carnaval, para que já possa dar a largada nas gravações de suas primeiras reportagens.
De acordo com o RD1, a Band irá promover uma coletiva de imprensa no próximo dia 24 para revelar detalhes da atração, que também ganhará novos cenários, vinhetas e terá a sua identidade visual reformulada. Dan Stulbach, Marco Luque e Rafael Cortez assumem a bancada do programa.

Novo repórter da nova temporada do ‘CQC’ é revelado

Erick Krominski é ator e profissional de mídias sociais, fundou o @interessante no Twitter em 2010. Outros repórteres ainda são incógnitas na atração.
Aos poucos, detalhes da nova temporada de “CQC” estão sendo revelados. Além da surpresa da substituição de Rafinha Bastos por Rafael Cortez na bancada do humorístico, um novo repórter foi revelado.
Segundo informa o colunista Fernando Oliveira, Erick Krominski é uma das novas contratações do "CQC" para a equipe de reportagem. Ele irá estrear junto com a atração no dia 9 de março. O contrato foi fechado esta semana e o novo homem de preto já foi posto para trabalhar em sua primeira pauta na rua, sob a chuva que cai em São Paulo.
Ainda de acordo com a publicação, Erick é velho conhecido das redes sociais e criador do @interessante. Também tem vários comerciais de TV no currículo.

Oscar Filho já tem substituto no "Proteste Já" do "CQC"

O quadro "Proteste Já", que denuncia irregularidades nos municípios brasileiros, já tem substituto. Oscar Filho, que saiu do "CQC", dará lugar ao jornalista Juliano Dip, que está atualmente na rádio CBN de São Paulo. 

De acordo com o colunista Flávio Ricco, Juliano já vem gravando o quadro "Proteste Já" há alguns dias. Ele está até cuidando de uma série especial sobre o Carnaval para a emissora. 

No próximo dia 24, a Band vai promover uma coletiva em São Paulo para falar sobre as últimas reformulações entre o elenco do programa. 

Na bancada em 2015, a atração terá Dan Stulbach, Rafael Cortez e Marco Luque. 


O "CQC" volta dia 9 de março, às 22h30.

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

WEBCOMIC #5 "BONECOS" - PÁGINAS 1 E 2


Primeiras páginas da quinta webcomic da Megaliga CQC.
Como mencionado antes, essa história trata-se de um roteiro que eu transformaria em animação. Mas como houve grandes problemas técnicos com os dubladores isso não foi possível.
Mas para não perder o roteiro, resolvi transformá-lo numa webcomic de despedida para Marcelo Tas, Felipe Andreoli, Oscar Filho, Ronald Rios e Guga Noblat. (A Dani Calabresa não aparece nessa webcomic apesar de ela tbm estar fora do CQC.)

Este mês de Fevereiro vou dedicar em postar essa webcomic pq a partir de Março teremos novos integrantes. ;-) 


domingo, 1 de fevereiro de 2015

Band pretende reformular quase 100% do 'CQC'

Os preparativos para o novo “CQC” estão a todo vapor. O programa que mistura entrevistas com pitadas de humor passará por grande reformulação na Band, voltando quase que totalmente diferente do que foi visto nos anos anteriores.
Segundo o jornalista Flávio Ricco do UOL, os responsáveis pelo programa passaram a última semana promovendo diversas reuniões, onde definirão o esquema da próxima temporada.
Eles pretendem reformular de 80% a 90% do programa.
Vale lembrar que no fim do ano passado a equipe do programa foi praticamente toda dispensada, incluindo os apresentadores. Dan Stulbach comandará a nova fase do programa, que tinha como “chefe” Marcelo Tas.

DEFINIDA A NOVA BANCADA DO CQC, SEM RAFINHA BASTOS

A bancada do programa humorístico “CQC” para a temporada 2015, que estreia em 9 de março, finalmente foi oficializada. A rede Bandeirantes divulgou, por meio de comunicado, que o novo âncora da atração, o ator Dan Stulbach (novela “Mulheres Apaixonadas”), dividirá o cenário com Marco Luque e Rafael Cortez.
Dan entrou no lugar de Marcelo Tas, que anunciou seu desligamento do programa em novembro do ano passado. Luque se mantém onde sempre esteve. E Cortez retorna, após temporada de dois anos na Record, onde apresentou as atrações “Got Talent Brasil” e “Me Leva Contigo”.
O que vinha sendo dito até então era que Rafael Cortez voltaria para fazer reportagens. E que Rafinha Bastos retornaria à bancada, de onde saiu após se tornar fonte de polêmicas constantes. Após ir para a RedeTV e voltar mais calmo para a Band, seu retorno ao “CQC” era dado como certo. Mas aparentemente não houve acordo. Ele vai continuar à frente do programa de entrevistas “Agora É Tarde”, que apresenta quase diariamente na mesma emissora.
Rafinha deu sua explicação no Facebook: “Seguinte… sei que rolou o papo forte que eu voltaria pra bancada do ‘CQC’. Eu mesmo disse que estava tudo certo. Pois é… tive uma reunião com a Band e chegamos a conclusão de que é melhor que eu me concentre no ‘Agora é a Tarde'”, ele escreveu.
A nova temporada do “Agora É Tarde” estreia em 3 de março.